Céu limpo com poucas nuvens

Terça | 16 Outubro

31C

31

24

Descubra o País < voltar

Planalto Leste, a paisagem que deslumbra a todos

Considerado o “pulmão” de S. Antão.

19/03/2018 | Fonte: Homero Fonseca, da Agência Inforpress

foto@Inforpress | Planalto Leste

O Planalto Leste, conjunto das partes superiores das principais bacias da ilha de Santo Antão, acima dos 1000 metros, é considerado o “pulmão” da ilha e a sua beleza natural atrai o olhar deslumbrado de locais, nacionais e turistas.

“Estamos maravilhados com as paisagens desta ilha”, disse Stella Denni, uma turista francesa que percorria, a pé, a estrada Ribeira Grande/Porto Novo, via montanha, destacando a diversidade paisagística encontrada na ilha.

A beleza natural das localidades do Planalto Leste, declarada reserva florestal a partir do dia 01 de Janeiro de 1990, deslumbra turistas de várias proveniências e alguns regressam várias vezes a Santo Antão, depois da primeira visita à ilha, uns para mais uma visita e outros para fixarem residência.

É o caso do casal holandês Hannie e Johan, que decidiram fixar residência na localidade de Corda onde abriram um pequeno restaurante, denominado a “cozinha do Bento”, para servir almoços preparados pelo filho Bento.

“Conhecemos Cabo Verde em 2015 numa visita de duas semanas em que viemos caminhar”, explica Hannie, num crioulo muito fluente, sobretudo tendo em conta que reside em Santo Antão há apenas sete meses, adiantando que acabaram por concluir que Cabo Verde era um país tranquilo e adequado para mudarem de vida e viverem tranquilamente com os três filhos adoptados na Colômbia.

Bento, um dos filhos, é cozinheiro e, por isso, optaram por abrir um restaurante para proporcionar actividade profissional ao filho, além de algum rendimento.

“Servimos almoços, chá, café, bolos, sumos locais, refrigerantes e cervejas nacionais porque só queremos servir produtos cabo-verdianos”, disse Hannie, que refuta a ideia de o seu estabelecimento servir apenas para turistas mas para todos os clientes sejam eles turistas ou nacionais.

Agricultura de sequeiro e criação de gado são as duas principais actividades económicas praticadas na maior parte das localidades do Planalto Leste e o produto dessas duas actividades constituíram, durante muito tempo, a principal fonte de rendimento das famílias da região.

As pessoas punham os “balaios” com os produtos da terra ao longo da estrada e os transeuntes compravam o que pretendiam poupando aos produtores o custo de uma deslocação às cidades para a comercialização do seu produto.

Tudo mudou com a construção da estrada Janela/Porto Novo que desviou o grosso do tráfego rodoviário entre as cidades da Ribeira Grande e do Porto Novo e o negócio foi grandemente afectado com a diminuição de clientes.

“Hoje temos de pagar transporte e perder um dia para ir vender à Ribeira Grande ou ao Porto Novo e com isso ganhamos menos mesmo vendendo mais caro”, é o que se ouve às pessoas das zonas do Planalto Leste sempre que confrontados com o assunto.


O queijo de leite cabra (um dos mais famosos da ilha de Santo Antão), algumas variedades de feijões, batata-doce e batata comum, bem como, maçãs e marmelos constituem a principal produção nas localidades do Planalto Leste que os transeuntes podiam encontrar à venda à beira da estrada “velha”.


O negócio de produtos agrícolas enfraqueceu, mas a beleza natural continua intacta e agora… a palavra ao turismo!

Comentários